sábado, 4 de junho de 2016

Os cristais e os chakras



Tudo no Universo é energia, energia é vibração. Os cristais são capazes de receber, de conter, de projetar, de emanar, de refratar e de refletir luz, a forma mais elevada de natureza superior e podem ser usados em conjunto com outras energia conhecida no universo físico. Eles representam o poder da terapias, tendo uma afinidade especial com a terapia de cores.

A energia que sai dos cristais, é uma composição dos elementos da natureza e dos raios vibracionais.

Transmitem uma espécie de raio que é absorvido pelo corpo físico.

Esses raios absorvidos pelo corpo, desbloqueiam e alinham os chakras, que são os sete centros de energia que as todas as pessoas tem. 

Desde os tempos mais remotos, os cristais exercem uma profunda influência nos homens que os têm sido utilizado na procura do equilíbrio físico, vital, emocional, mental e espiritual.


Os Cristais, quando bem manipulados, auxiliam nos planos físico, mental e espiritual, comunicando-se com o ser humano por meio da sua aura. As pedras desbloqueiam, liberam e reequilibram energias e emoções, aliviando sintomas negativos ou aflorando memórias e sensações importantes para o desenvolvimento pessoal.

De cada cristal tira-se um proveito específico. Eles abrem os canais intuitivos, fortalecem, harmonizam e trazem harmonia para a vida de quem os utiliza.O uso dos cristais para cura deve ser constante e de forma preventiva, a longo prazo, e não circunstancial e não tem nenhum efeito nocivo por ser totalmente natural.




1º CHAKRA – BÁSICO OU RAIZ (MULADHARA)

É o primeiro chakra (conhecido como Chakra Base ou Raiz), está situado na base da espinha dorsal. Relaciona-se com o poder criador da energia sexual. Quando esse chakra está enfraquecido, indica distúrbios da sexualidade ou disfunções endócrinas. Quando excessivamente energizado, indica excesso de hormônios, sexualidade exacerbada ou até mesmo a presença de um tumor no local.


Localização:
Na região compreendida entre o ânus e órgãos genitais

Cor: Vermelho
Vermelho-fogo, Marrom, o vermelho da energia e da atividade mais interna do núcleo do nosso planeta.

Planeta Elemento:

Saturno; Terra.

Símbolo:
Lótus de 4 pétalas

Glândula correspondente:

Supra-renais


Cromoterapia:
Vermelho claro e brilhante, aquece, anima tráz vitalidade e coragem. Use roupas vermelhas ou mentalize a cor na região da base da espinha. Coma alimentos ricos em proteínas. Use perfume ou óleo essencial de cedro. Ande descalço e aprecie a aurora ou o crepúsculo. Sons da natureza também ajudam a ativá-lo.

Pedras:
Granada, Rubi, coral, jaspe sanguineo, Hematita, Quartzo Fumê, Onix, Turmalina preta

Aromaterapia: Patchouli, Vetiver, Cedro, Mirra.



2º CHAKRA – ESPLÊNICO, SACRO OU SEXUAL (SVADHISTHANA)

O segundo chakra, também chamado esplênico, sacro, sexual ou do baço, é responsável pela energização geral do organismo, e por ele penetram as energias cósmicas mais sutis, que a seguir são distribuídas pelo corpo. Quando esse chakra é estimulado, propicia uma boa captação energética.

Localização:
Região umbilical (2 cm abaixo do umbigo), entre o osso púbico e o umbigo – acima dos genitais, também alinhado com a coluna e abre-se para frente.

Cor: Laranja, a cor interior das águas.

Elemento: Água.

Símbolo:
Lótus de 6 pétalas

Glândula correspondente:

Glândulas sexuais- ovário, próstata, testículos.

Cromoterapia:

Laranja, estimulante e renovador. Liberta de padrões emocionais cristalizados, sentimentos de autovalorização, e desperta a alegria do prazer sexual. imagine uma luz laranja iluminando a área abaixo do umbigo. Na alimentação, reforce a ingestão de líquidos. Escolha aromas de sândalo e ylang ylang. Para ativá-lo escute melodias com instrumentos de sopro. Contemple o luar e mergulhe em rios e lagos de água límpida.

Pedras: Calcita laranja, cornalina, Ambar.

Aromaterapia: Sândalo, Ylang Ylang, Bergamota, Sálvia Esclaréia, Cardamomo, Laranja, Néroli e Rosa.



3º CHAKRA – PLEXO SOLAR OU UMBILICAL (MANIPURA)

O terceiro chakra (conhecido como Chakra do Plexo Solar) localiza-se na região do umbigo ou do plexo solar, e está relacionado com as emoções. Quando muito energizado, indica que a pessoa é voltada para as emoções e prazeres imediatos. Quando fraco sugere carência energética, baixo magnetismo, suscetibilidade emocional e a possibilidade de doenças crônicas. 

Localização:
Início da cavidade abdominal (boca do estômago) – Está situado cerca de dois dedos a cima do umbigo, na altura das costelas inferiores. Abre-se para frente.

Cor: Amarelo e amarelo dourado.
Através da crescente integração e unificação interior, a luz amarela de compreensão intelectual aos poucos se transforma na luz dourada da sabedoria e da plenitude.

Elemento:

Fogo.

Símbolo:
Lótus de 10 pétalas

Glândula correspondente:
Pâncreas, transformação e digestão dos alimentos, produz o hormônio insulina.

Cromoterapia:
Amarelo claro e dourado. Anima a atividade dos nervos e do pensamento, propicia alegria, ajuda a ingressar ativamente na vida, estimula a assimilação física e psíquica. O dourado, em caso de problemas espirituais, age como esclarecedor e calmante, favorece a atividade mental. use roupas e acessórios amarelos ou mentalize a cor envolvendo a região acima da cintura. Coloque no cardápio alimentos amarelados, como milho e mandioquinha. Invista em perfumes com toques de lavanda ou bergamota. Ouça música alegre e dançante e caminhe ao sol.

Pedras: Citrino, Topázio, Olho de tigre

Aromaterapia: Pimenta Negra, Cedro, Canela, Cravo, Cipreste, Coriandro, Gerânio, Gengibre, Grapefruit, Junipero, Hortelã Pimenta, Mandarina, Lemongrass, Petit Grain.


4º CHAKRA – CARDÍACO OU CHAKRA DO CORAÇÃO (ANAHATA)


O quarto chakra situa-se na direção do coração. Relaciona-se principalmente com o timo e o coração. Sua energia corresponde ao amor e à devoção, como formas sutis e elevadas de emoção. Na tradição católica, este chakra é simbolizado pelo coração luminoso de Cristo. Quando ativado desenvolve todo o potencial para o amor altruísta. Quando enfraquecido indica a necessidade de se libertar do egoísmo e de cultivar maior dedicação ao próximo. No aspecto físico, também pode indicar doenças cardíacas.

Localização:
Entre os mamilos, na região toráxica. Está situado na altura do coração, no meio do peito. Abre-se para frente.

Cor:
Verde, Rosa ou Dourado
O verde é a cor da cura bem como da harmonia e da simpatia. A cor verde clara significa capacidade de cura.
Uma aura dourada impregnada de rosa, demonstra uma pessoa que vive no amor puro e dedicado ao Divino.

Elemento: Ar

Símbolo:

Lótus de 12 pétalas

Glândula correspondente:

Timo

Cromoterapia:
Verde: harmonia e compaixão. Nos tornamos reconciliadores, traz simpatia e transmite sensação de paz, regenera o corpo a mente e a alma.

Rosa: desperta sentimentos de amor e carinho. Proporciona uma felicidade infantil, estimula a atividade criativa. Adote os tons de verde-claro no vestuário ou mentalize-os iluminando seu peito na altura do coração. Folhas e legumes são os alimentos mais indicados para fortalecer esse chacra. Escolha aromas florais e ouça música clássica. Passeios por parques e campos floridos são perfeitos para harmonizá-lo.

Pedras:
Quartzo rosa, Turmalina rosa, Kunzita, Rodocrosita, Turmalina verde, Esmeralda

Aromaterapia:
Bergamota, Cipreste, Gerânio, Jasmin, Lavanda, Alecrim, Rosa, Sândalo, Tangerina e Ylang Ylang.



5º CHAKRA – LARÍNGEO OU CHAKRA DA GARGANTA (VISHUDDHA)

O quinto chakra fica na frente da garganta e está ligado à tireóide. Relaciona-se com a capacidade de percepção mais sutil, com o entendimento e com a voz. Quando desenvolvido, de forma geral, indica força de caráter, grande capacidade mental e discernimento. Em caso contrário, pode indicar doenças tireoidianas e fraquezas de diversas funções físicas, psíquicas ou mentais.

Localização:
No ângulo formado pelo encontro dos ossos da clavícula. Situado entre a cavidade do pescoço e a laringe. Nasce na altura da vértebra cervical e abre-se para frente

Cor:

Azul-claro, prateado e o azul esverdeado.

Elemento:
Éter

Símbolo:
Lótus de 16 pétalas

Glândula endócrina correspondente:
Tiróide: Papel decisivo no desenvolvimento do esqueleto e dos órgãos internos, equilibra o crescimento físico e mental, regulariza o metabolismo hormonal (tiroxina)

Cromoterapia:
Azul claro e azul vivo, turquesa elétrico. Propicia calma e amplidão. Predispõe a inspiração espiritual. Visualize uma faixa azul-celeste em volta do pescoço ou vista roupas e colares nessa nuance. Coma frutas de todos os tipos. Entre os perfumes, adote o aroma de eucalipto. Ouça músicas com cantos harmoniosos e observe o céu nos dias claros.

Pedras: Água marinha, Amazonita, Turquesa, Topázio azul

Aromaterapia: Hortelã Pimenta, Horteã do Brasil, Camomila, Bergamota, Manjericão, Cipreste, Tea Tree.




6º CHAKRA – FRONTAL OU TERCEIRO OLHO (AJNA)

O sexto chakra situa-se no ponto entre as sobrancelhas. Conhecido como “terceiro olho” na tradição hindu, está ligado à capacidade intuitiva e à percepção sutil. Quando bem desenvolvido, pode indicar um sensitivo de alto grau.
Enfraquecido aponta para um certo primitivismo psico-mental ou, no aspecto físico, para tumoração craniana. 

Localização:
Entre as sobrancelhas. O sexto Chakra está situado um dedo acima da base do nariz, no meio da testa. Abre-se para frente.

Cor:
Índigo, também o amarelo e o violeta. O pensamento racional ou intelectual pode dar origem aqui a uma irradiação amarela. O azul índigo indica intuição e processo de compreensão integrados. A percepção extra sensorial é demonstrada pelo tom violeta.

Símbolo:

Lótus de 96 pétalas

Glândula correspondente:
Hipófise.

Cromoterapia:
O índigo transparente abre e clareia o sexto Chakra. Fortalece e cura os sentidos, abrindo os níveis mais sutis da percepção. Imagine uma luz azul-índigo na região da testa. Na dieta, escolha alimentos ricos em vitamina B, como ovos e leite. Use também perfumes que contenham hortelã e jasmim. O tipo de música relacionado a esse chacra é a chamada new age. Ele ainda é estimulado pela observação do azul-profundo do céu.

Pedras: Sodalita, Fluorita, Lápis Lázuli, Quartzo azul, Cianita, Azurita

Aromaterapia: Jasmin, Manjerona, Olibano, Patchouli, Alecrim, Sândalo, Cipreste, Louro, Vetiver, Rosa.




7º CHAKRA – CORONÁRIO OU CHAKRA DA COROA (SAHASRARA)


O sétimo é o mais importante dos chakras, situa-se no alto da cabeça e relaciona-se com o padrão energético global da pessoa. Conhecido como chakra da coroa, é representado na tradição indiana por uma flor-de-lótus de mil pétalas na cor violeta. Através dele recebemos a Luz Divina. A tradição de coroar os Reis fundamenta-se no princípio da estimulação deste chakra, de modo a dinamizar a capacidade espiritual e a consciência superior do ser humano.

Localização:
Topo da cabeça. O sétimo Chakra situa-se no ponto mais alto, no centro externo da cabeça. Abre-se para cima.

Cor:
Branco dourado (12 pétalas centrais) e Violeta (960 pétalas restantes)
Violeta, também o branco e o dourado. Brilha com todas as cores do arco-íris, mas a cor predominante é o violeta. A flor exterior do Chakra é formada por 960 pétalas. No seu interior encontra-se uma segunda flor com 12 pétalas que brilha como uma luz branca impregnada de dourado.

Símbolo:
Lótus de mil folhas

Glândula correspondente:
Pineal (epífise)

Cromoterapia:

O violeta e o branco.
O Violeta produz transformação da mente e da alma, dissolve limitações, abre-nos a dimensões espirituais e pode nos levar a experiências de unidade cósmica.

O Branco contém o espectro de todas as cores, integra diversos níveis da vida de forma a uma totalidade superior, abre a alma à luz Divina, para a compreensão e a cura. Concentre-se imaginando no alto de sua cabeça uma coroa nas cores violeta, branca ou dourada. Procure entrar em contato consigo mesmo. Não há alimentos recomendados para esse chacra, a não ser os do espírito, como a meditação. Entre os perfumes, fique com o de lótus. Busque seu equilíbrio fazendo caminhadas pelas montanhas.

Pedras:
Ametista, Sugilita, Quartzo branco, diamante herkimer

Aromaterapia: Jasmim, Rosa, Olíbano, Lavanda, Néroli, Vetiver, Sândalo, Mirra, Cedro.


http://www.curaeascensao.com.br/curaquantica_arquivos/curaquantica168.html
https://vibraraapi.wordpress.com/2014/01/13/os-7-chakras/

domingo, 18 de janeiro de 2015

Chá de sálvia – Benefícios e propriedades



A sálvia é uma das plantas medicinais mais usadas no mundo na medicina natural, pois possui benefícios de todos os tipos e nenhuma contra indicação.A sálvia é uma planta de origem mediterrânea muito apreciada pelas múltiplas propriedades que contêm para tratamentos medicinais bem como para fins culinários, cosméticos e inclusive em aromaterapia.

Seu nome científico é Salvia officinalis, mas é conhecida também como salva ou salva-das-boticas.
 

A maioria de suas propriedades medicinais encontra-se, principalmente, em suas folhas – de onde é possível extrair óleos aromáticos, resinas e bálsamo.

Propriedades

Entre as propriedades da sálvia é possível destacar as ações:

Antioxidante;
Antimicrobiana;
Ansiolítica;
Calmante;
Anti-inflamatória.
Benefícios da sálvia

A sálvia pode ser uma grande aliada das mulheres, já que, por estimular a vesícula biliar, favorece o transito intestinal, melhora a digestão e, portanto, diminui a circunferência abdominal. Ou seja, diminui barriga. Além disso, por ser considerada uma planta carminativa, a sálvia ajuda a eliminar os gases que contribuem para o aumento da barriga. A ação diurética também contribui para os benefícios entre mulheres, pois ela evita a retenção de líquidos. Todos esses fatores, se combinados a hábitos de vida saudáveis e exercícios físicos, são suficientes para elas perderem os quilinhos extra que desejam.



Benefícios do chá de sálvia

O consumo frequente do chá de sálvia ainda limpa completamente as vias respiratórias, cura hemorroidas, contém hemorragias menstruais, trata cólicas e alivia os sintomas da menopausa.

Já para curar feridas ou úlceras, faça compressas com o chá e passe no local desejado. Este procedimento também é válido para auxiliar nas dores de cabeça mais fortes, como a enxaqueca.

Mas sálvia também serve como um calmante natural. Sua infusão acalma o sistema nervoso e controla a ansiedade, proporcionando uma noite de sono calma e sem interrupções.

Graças às suas propriedades antissépticas, a sálvia é usada de modo externo para curar e favorecer as cicatrizações de feridas e úlceras. E com gargarejos é excelente para o tratamento de angina, faringite, gengivite e qualquer inflamação do tipo bucofaríngea.


A sálvia é considerada como um bom hipoglicemiante, isto é, seu uso favorece a diminuição da quantidade de açúcar no sangue. Isto faz com que seja recomendada para tratamentos contra a diabetes.


A sálvia contém também propriedades termorreguladoras e é muito útil para parar a sudorese excessiva e regular as secreções salivares e lácteas.


Entre outras propriedades curativas da sálvia, destacamos as que servem para combater bactérias, vírus e fortalecer o sistema imunológico.



Óleo


A planta também pode ser usada em forma de óleo. Suas propriedades, auxiliam no tratamento de entorses e inchaços.
Curiosidade: Sálvia para espantar energias ruins

Além das propriedades medicinais, a sálvia cuida também das energias da casa. A prática de queimar algumas folhas para defumar a casa é comum para afastar vibrações negativas.
Conforme o conceito Ayurveda, essa planta é um incenso natural e traz energias positivas por um bom tempo e para o ambiente.

Para eliminar o mau olhado do corpo é indicado tomar um banho com o chá de sálvia.


Como fazer chá de Sálvia

Em uma chaleira com um litro de água, coloque 2 colheres de sopa de folhas e deixe no fogo até levantar fervura. Tampe abafe por 10 minutos. Coe e adoce com açúcar ou mel a gosto.





Fontes - http://saude.umcomo.com.br/ http://chabeneficios.com.br/

sábado, 26 de abril de 2014

Aromas

 

Os aromas influenciam o nosso astral. 

O sentido de olfato age principalmente no nível subconsciente, os nervos olfativos estão diretamente ligados com a parte mais primitiva de nosso cérebro, o sistema límbico.

Experiencias feitas com animais feridos no nariz, revelaram que eles perdem a capacidade de discernimento, memória, comendo tudo o que aparece. Crianças com as narinas obstruídas tem dificuldades para fixar a atenção.

Thot, considerava o nariz como o crânio do cérebro, rinincéfalo. Os centros cerebrais estão ligados com as fossas nasais e, portanto, com o sentido de olfato. 


As fragrâncias influenciam na nossa disposição, desejos, vontade, calma, saúde, etc.

Os antigos sacerdotes egípcios, eram mestres no uso dos perfumes. Queimavam betune para reconhecer em seus pacientes predisposições para epilepsia. Ao meio-dia, quando o ar tornava-se pesado, devido aos vapores da terra, queimavam mirra. 

Eles inventaram a destilação do vinho e da resina de cedro. 

No Cristianismo também podemos observar a importância dos aromas, o Menino Jesus, recebeu dos magos do Oriente, incenso e mirra. 

Os babilônios, gregos, romanos, árabes, chineses, hindus e outros povos, também utilizavam os aromas de forma medicinal e religiosa.

Quando se fala em aromaterapia, algumas pessoas imaginam o cheiro a fragrância , o perfume. 
A aromaterapia é a terapia através dos óleos essenciais. É a forma mais concentrada de energia vegetal.

O verdadeiro óleo essencial representa a “Alma da Planta “ são extratos altamente concentrados que contém hormônios e etc. Não podem, de forma alguma, serem confundidos com essências oleosas que contém aditivos químicos.

Os óleos essenciais, largamente usados pelos alquimistas, ampliam os efeitos da massagem, nutrem a pele, atuam no campo astral e emocional.

Cada óleo tem um efeito curativo muito próprio. É preciso conhece-los para que possamos usá-lo de forma correta. Na visão antroposófica os óleos essenciais são produzidos pela atividade solar. É a manifestação das forças cósmicas do fogo, produzidos pelo “Eu Cósmico “ da planta, por isso indicadas para o corpo astral.

Na idade média, nos tempos da cólera, os perfumistas raramente sucumbiam as doenças porque os óleos essenciais são antissépticos. Tem uma função alopática, através da composição química dos óleos e suas propriedades antissépticas, estimulantes, e etc. Uma função sutil, atuando semelhante aos remédios homeopáticos e antroposóficos e atua na mente.

sábado, 23 de novembro de 2013

SIGNIFICADO DAS ESSENCIAS



♦Alecrim - Anti-depressivo e anti-reumático; combate ansiedade, fadiga mental, estafa, ressacas; purifica o astral do corpo; aguça a memória; fortificante e refrescante.


♦Alfazema - Calmante, estimulante para o cérebro; levanta o astral e proporciona o relaxamento. Favorece a fertilidade e faz brotar as vocações interiores.


♦Camomila - Anti-depressivo e calmante. Combate alergias, enxaqueca, histeria, insônia, melancolia e nervosismo.


♦Canela - Anti-séptico, estimulante cardíaco, pulmonar e sexual. Combate espasmos, gripe e impotência. Proporciona jovialidade, simpatia e espírito alegre dando segurança, paciência e determinação.


♦Citronela - Possui ação repelente para mosquitos

                                           

♦Cravo - Analgésico e anti-séptico. Estimula o sono, apetite, memória e sistema respiratório. Facilita a digestão; proporciona vida e saúde à todos os seres; dá vigor físico e coragem, combatendo a exaustão


♦Erva Doce - Contra câimbras, cólicas, gases, impotência. Essência da longevidade.


♦Flor de Laranjeira - Favorece amor, atração, beleza e humor. Combate ansiedade, insônia e nervosismo. Tem ação ultra relaxante.


♦Jasmim - Afeta a depressão; afrodisíaco; calmante emocional. Nos leva a mundos da fantasia, sensualidade e rituais do amor. Concede bons negócios.


♦Lavanda - Estimulante do cérebro, ajudando na concentração; anti-depressivo; diminui a energia quando há agitação, hiperexcitação ou esgotamento. Contra insônia; refrescante e relaxante. Combate a tristeza e dá alegria

                                                 

♦Limão - Desintoxicante; estimula o sistema nervoso central; purificante e refrescante.


♦Maçã Verde - Alegria; abre o apetite; facilita a digestão; fortalece o coração; sedativo.



♦Morango - Simpatia; amor. Abre o apetite, fortalece os nervos e facilita a digestão.


♦Pêssego - Afasta a tristeza. Calmante geral. Utilizada para abrir o apetite.


♦Rosa - Anti-depressivo. Fonte de beleza, tendo o poder de unir amor físico e espiritual. Acalma a discórdia doméstica. Refrescante; sedativo. Atua na impotência psicológica.


♦Sândalo - Afrodisíaco; indicado para auto-controle, meditação e trabalhos psíquicos; relaxante; sedativo; atua na impotência psicológica, dotando a pessoa de intuição e otimismo.


♦Verbena - Calmante; relaxante; estimula a digestão; melhora a concentração. Usada em rituais de concentração.

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

O PODER DE ALGUMAS PEDRAS PRETAS




As pedras pretas são muito poderosas, mas é importante, é necessário saber usá-las, porque, tal como o aspirador de pó, elas absorvem as impurezas, isto é, as energias negativas; e assim como o aspirador precisa ser limpo para uma nova e eficaz limpeza. 

A limpeza das pedras pretas precisa e deve ser feita com maior regularidade do que as pedras comuns; afinal, elas fazem a "limpeza pesada". 

Algumas coisas são importantes frisar e mesmo repetir. Para usar pedras pretas e cristais, você precisa limpá-los, energizá-los, programá-los ou ainda fazer algum pedido específico ou especial. 

Geralmente é o cristal que escolhe você, mas pode haver reciprocidade. Há um cristal para cada finalidade, mas o quartzo branco é uma espécie de "clínico geral", assim como o é a rosa branca, o Anjo Gabriel, o banho de alecrim... 

Estar "astralmente empoeirado" é pior do que estar fisicamente sujo. A "poeira astral" entristece, deprime, dificulta. Os cristais, como os banhos, incensos, entre outros recursos, ajudam você na limpeza e na energização do seu ambiente, da sua aura, de todos os seus corpos, enfim. 

O preto simboliza a ausência de cores e o seu poder está ligado à capacidade de absorver as energias negativas ou de as repelir. Há uma grande variedade de pedras pretas. 

Eis algumas, as mais procuradas:

Turmalina Preta: é coberta de linhas verticais,também chamadas linhas condutoras, porque fazem com que a energia circule. Serve também para meditação quando as pessoas estão em estado de choque. Pode ser colocada na base da coluna, tendo um quartzo branco na outra extremidade, o qual pode ser também colocado na nuca. 

A Turmalina limpa os canais sutis da coluna e trabalha na polarização das energias. Como escudo protetor, repele as energias; por isso, é preciso usar um cristal auxiliar, porque ela, se foi programada para proteger, protege mesmo! Mas é uma pedra bloqueadora; expulsa todo o mal, em compensação não deixa que nenhuma outra energia entre, ainda que boa. 

Assim acontece também em relação ao banho de sal grosso que faz a limpeza geral, mas precisa de outro banho ou de outro recurso para desbloquear ou reenergizar. Quando você deixar uma pedra preta para limpar o ambiente, deve cercá-la com quartzos rosa,branco e verde. 

Pedra de cura, de limpeza, de polarização de energias e de meditação em casos extremos.


Ônix: estabilizador de energias. 
Muitos têm medo de usá-la, porque é uma pedra de Saturno e tem fama de ser negativa. Todavia, as pedras são todas positivas, porque são partes integrantes da Natureza e a Natureza é generosa, e no dizer dos celtas, "o lado visível de Deus"; logo as pedras, os cristais atuam sempre em nosso benefício. 

É importante dizer que as pedras, em geral, devem ser usadas de forma correta, no momento certo, conforme a circunstância. 

Por exemplo: se estiver deprimido, triste, só, não use Ônix. Contudo, se quiser desenvolver a disciplina e a persistência, aí poderá usá-la.

Obsidiana: é a pedra da revelação. 
Muito usada por Bruxos, Magos, Profetas e até por "Feiticeiros". Para esta pedra, nada é oculto. 

Só não diz a verdade quando as pessoas não estão preparadas para recebê-la ou entendê-la. Os rituais feitos com a pedra não podem ser repetidos e é preciso haver muita concentração. Para esta pedra, nada é invisível.



Cianita Preta ou "Vassourinha". Este nome popular se deve à sua aparência de espanador e ainda porque realmente ela é a pedra por excelência da "limpeza pesada".

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Quartzo Verde



Quartzo verde: trabalha com o timo, propicia recuperação geral e resistência imunológica. Traz equilíbrio, calma, centramento, saúde e prosperidade.

É a pedra da cura . Usada como base da terapia com cristais o quartzo verde fortalece a saúde de uma maneira geral, proporcionando o equilíbrio emocional trazendo força, coragem e disposição .

 O QUARTZO VERDE atua principalmente na região do Chakra cardíaco que é o centro emocional e o centro de cura do ser humano (a cor que rege o chakra cardíaco é a verde). Portanto pode ser usado para todo e qualquer tipo de problema de saúde.

Sua composição é também de Dióxido de Silício, portanto de ação REJUVENECEDORA, é um grande remineralizante e adstringente.

Evita inclusive estrias, celulite e flacidez.

É bom para ajudar curar unhas, pele, rugas, queda de cabelo, zumbido, varizes e regularizar o colesterol. 

Os alimentos que você encontra o silício são: aveia, cevada, espinafre, beterraba, aspargos, alface, tomate, couve, figo e morango.

Em casa, é melhor que as pedras verdes sejam usadas no banheiro, pois são pedras de cura e lá é lugar de se aliviar, inclusive de emoções, certo? 

Deixamos tudo no banho, por isso é bom que o quartzo verde esteja lá, para curar o ambiente e não deixar sair nada para o resto da casa.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Óleo essencial de rosas



"Para estar junto não é preciso estar perto e sim do lado de dentro".
Esta frase de Leonardo da Vinci exemplifica com muita sabedoria o efeito do óleo essencial de rosa.

É o óleo que abre o coração, aproxima, liga e faz desabrochar!

A rosa talvez tenha sido a primeira flor do qual se destilou um óleo essencial, na Pérsia do século X. 
A rosa é tradicionalmente chamada a "Rainha das Flores" e, na aromaterapia, o óleo de rosa é freqüentemente considerado o soberano dos óleos essenciais.

Este óleo é extremamente feminino e dentro da aromaterapia é o preferido no tratamento dos distúrbios do sistema reprodutor feminino. Trata-se de um óleo depurativo, regulador e tônico, útil nos casos em que haja uma perda da tonicidade na musculatura uterina (prolapsos) ou para mulheres com tendência a abortos espontâneos. Também indicado para aquelas mulheres cujo ciclo menstrual é irregular ou que estão tensas, deprimidas ou tristes, quadros em que o óleo de rosa é de suprema valia. 

O óleo de rosa tem a fama de afrodisíaco e os romanos tinham por hábito espalhar pétalas de rosas pelo leito nupcial. Isto se deve ao alto poder ansiolítico do óleo, que faz com que a pessoa relaxe e respire melhor. Ele é um antidepressivo suave mas poderoso e por causa disto é muito útil nos casos de pertubações emocionais ligadas à sexualidade feminina ou ao ciclo reprodutivo.

O custo muito elevado do óleo de rosa deve-se à imensa quantidade de pétalas necessárias para se extrair uma quantidade mínima de óleo, e o custo elevado da própria mão-de-obra envolvida na extração.

O melhor e o mais caro óleo de rosa é o atar de rosas búlgaro, embora também se produza um excelente óleo na região de Grasse, o coração da perfumaria francesa, enquanto o norte da África nos fornece um óleo ligeiramente mais barato.

Os óleos franceses e búlgaros são produzidos pelo método enfleurage, ao passo que o norte africano geralmente é obtido pelo método do solvente orgânico. É consideravelmente mais barato, porém menos refinado que os óleos produzidos segundo o método tradicional.